Danilo Gentili quebra protocolo do SBT, se revolta e defende Rachel Sheherazade
Danilo Gentili quebra protocolo do SBT, se revolta e defende Rachel Sheherazade

Este último final de semana foi recheado de notícias e parece que uma jornalista do SBT, Rachel Sheherazade foi uma das famosas que agitou a internet. Isso porque, a apresentadora se envolveu em uma grande confusão com o empresário Luciano Hang, grande apoiador do atual presidente da República, Jair Bolsonaro. Agora, depois de receber o apoio de jornalistas como, Fábio Pannuzio, da Band, e William Waack, da CNN, parece que o apresentador do The Noite, Danilo Gentili resolveu sair em defesa da jornalista.
Mesmo após Silvio Santos e todo o SBT manterem silêncio sobre o caso da jornalista, Rachel Sheherazade, parece que o apresentador Danilo Gentili não está incluso nesse pacote. Na manhã desta terça-feira, 25 de junho, o jornalista e comediante, que apresenta o programa The Noite resolveu quebrar o silêncio e supostamente saiu em defesa de sua colega de trabalho. Mas diferente dos outros profissionais, que se manifestaram diretamente e abertamente sobre o caso, Danilo Gentili preferiu não citar a jornalista e protestou de uma maneira considera genérica, em sua conta no Twitter.
O humorista do SBT, Danilo Gentili tuitou uma frase do famoso jornalista e chargista Millôr Fernandes (1923-2012). “Jornalismo é oposição. O resto é armazém de secos e molhados”, escreveu o apresentador do The Noite. Nos comentários ele ainda foi muito criticado por apoiadores do presidente, Jair Bolsonaro, porém Danilo parece ter resolvido deixar para lá e não respondeu ninguém.  O tweet de Gentili foi publicado após duas notícias envolvendo demissões em veículos de comunicação: a saída do historiador Marco Antonio Villa da rádio Jovem Pan e o afastamento de Paulo Henrique Amorim da Record.
Vale lembrar que tudo isso começou quando Luciano Hang, ou Dono da Havan, como é conhecido, publicou em seu instagram uma imagem parabenizando Silvio Santos pelas demissões na emissora em relação aos jornalistas que eram contra o atual Presidente da República Jair Messias Bolsonaro, pedindo, por fim, a demissão de Rachel Sheherazade da emissora, que se voltou contra o presidente recentemente em críticas ao governo.

Compartilhar Google+


Comentário(s)

Publicidade










 

Siga-nos

Acompanhe o Tribuna Livre nas Redes Sociais!

Notícias Recentes






1