SUCESSÃO MUNICIPAL: Ainda indefinido, quadro sucessório em PV desperta curiosidade do eleitor
SUCESSÃO MUNICIPAL: Ainda indefinido, quadro sucessório em PV desperta curiosidade do eleitor


A menos de 01 ano das eleições municipais em 2020, o quadro sucessório em Presidente Venceslau desperta muita curiosidade, no entanto não apresenta qualquer novidade em relação a nomes confirmados. 
A pergunta que se ouve na cidade é: quem são os candidatos para a disputa?
Importante ressaltar que, seis meses antes do pleito, serão permitidas filiações partidárias. Antes, a exigência era de um ano.
Em relação a nomes, duas quase certezas: os ex-prefeitos Ernane Erbella e Ângelo Malacrida não sairão candidatos, conforme conversas informais deles próprios obtidas pelo Tribuna Livre.
Outra pergunta que se ouve na cidade é: quem o prefeito Jorge Duran pretende apoiar, já que não poderá mais se candidatar, uma vez que foi reeleito em 2016.
Em tese, a resposta seria o seu vice, Osvaldo Melo, do PT. No entanto, não há qualquer indicação de que isso irá ocorrer.
Na verdade, prefeito e vice pouco se falam e há, de certa forma, desarranjo de ideias e de ações no campo administrativo e político.
Nomes que poderiam receber apoio de Duran estão basicamente na Câmara, como da presidente do legislativo, Lucimara Dias, e dos vereadores João Roberto Coelho Pacheco e João Paulo Arfelli Rondó, e também do seu secretariado, como Dilson Leite (Obras), Rodolfo Seddig (Esportes) e Élcio Júnior (Gabinete).
Pelo lado da oposição surgem nomes como do presidente do Rotary Club, Álvaro Carlos da Silva, dos empresários Edmilson Scalon e Roncolato, do ex-vereador João Cola, assim como dos vereadores Tufy Nicolau Júnior e Raphael Balhestero.
O calendário eleitoral para 2020 começa em 1º de janeiro, obrigando os institutos de pesquisa a registrarem qualquer levantamento.
As convenções municipais para escolha dos candidatos a prefeito, vice e vereadores devem ser realizadas entre os dias 20 de julho e 05 de agosto.
O período eleitoral para campanha dos candidatos começa no dia 31 de agosto, estendendo-se até 02 de outubro.
As eleições serão realizadas no dia 04 de outubro, que cai num domingo.
 

Compartilhar Google+


Comentário(s)

Publicidade










 

Siga-nos

Acompanhe o Tribuna Livre nas Redes Sociais!

Notícias Recentes



Agradecimento




1