Jornalista brasileiro que investigava tráfico é assassinado no Paraguai
Jornalista brasileiro que investigava tráfico é assassinado no Paraguai

O jornalista brasileiro Léo Veras foi assassinado a tiros na noite desta quarta-feira, 12, na casa onde morava em Pedro Juan Caballero, no Paraguai, fronteira do país com o Brasil. Segundo a polícia local, a residência foi invadida por dois homens armados, que dispararam contra o profissional.

Veras era o dono e atuava com investigações no site Porã News, que fazia cobertura policial e investigava o tráfico na fronteira, entre Pedro Juan Caballero e Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul. Na terça-feira, em sua última matéria, ele noticiou a ação da polícia paraguaia, que destruiu um acampamento e apreendeu drogas na região.

Em entrevista ao site paraguaio ABC Color, o chefe de polícia Ignacio Rodríguez Villalba explicou que as autoridades locais já tem suspeitos do crime. "Segundo informações, [o crime foi causado por] publicações que ele fez sobre o crime organizado. Nos últimos tempos, ele fez muitas publicações na fronteira", disse.

Segundo o Sindicato dos Jornalistas do Mato Grosso do Sul, o jornalista já havia relatado ameaças de morte recebidas por seu trabalho de investigação e denúncia do tráfico. Recentemente, disse a entidade, ele falou sobre a violência na frente em entrevista à TV Record. (Com UOL)

 

 

Compartilhar Google+


Comentário(s)

1