Corpo do escrivão Brito será sepultado na manhã desta quarta-feira
Corpo do escrivão Brito será sepultado na manhã desta quarta-feira

O corpo de Roberto Brito do Nascimento, 59 anos, será sepultado nesta manhã, no cemitério de Presidente Venceslau. Brito era escrivão de polícia, onde se aposentou recentemente. Ele morreu nesta terça-feira quando tentava debelar um fogo em uma área rural de sua propriedade.

De acordo com as informações fornecidas pela Polícia Civil, o caso foi registrado por volta das 11h30 e a propriedade rural fica às margens da estrada da Fazenda Santa Sofia.

Brito foi encontrado pelo filho já sem vida e com marcas de queimaduras pelo corpo.

Segundo a Polícia Civil, a vítima havia contratado um homem com quem, inclusive, tinha parentesco para realizar a limpeza de uma área de mata em sua propriedade rural.

O filho e o contratado atearam fogo no local para realizar a limpeza, mas o vento acabou levando as chamas para a parte oposta da estrada, quando, então, eles pediram para a vítima aguardar do outro lado.

Eles conseguiram controlar o fogo, mas quando o filho voltou ao outro lado encontrou o pai já caído sem vida e com sinais de queimaduras pelo corpo.

Ainda conforme a Polícia Civil, Brito tinha dificuldades de locomoção e sofria quedas frequentes e ao lado do corpo ainda foi encontrada uma muleta que ele utilizava.

O caso foi registrado como morte suspeita acidental e foi requisitado o exame necroscópico.



Comentário(s)

1