Fernando Diniz nega que Daniel Alves seja intocável no São Paulo
Fernando Diniz nega que Daniel Alves seja intocável no São Paulo

A atuação de Daniel Alves, do São Paulo, no empate com o Athletico, neste domingo, 17, em Curitiba, gerou questionamentos sobre a manutenção do jogador entre os titulares da equipe.
O meia esteve em 46 dos 57 jogos do São Paulo na temporada e foi substituído só duas vezes – ainda perdeu algumas partidas por lesão e suspensão.
O técnico Fernando Diniz defendeu o jogador mais uma vez depois do confronto contra o Athletico. “Eu enxergo muitas coisas positivas no Daniel e achei que ele merecia ficar no campo em todos os jogos. Ele tem um peso muito grande, preocupa adversário, pode decidir a qualquer momento, e não achei que ele estivesse jogando mal. Ele depende da coletividade. Pode definir jogo a qualquer momento, dá muito peso ao time”, afirmou o treinador.
Ele, porém, negou que o veterano seja intocável, mas não indicou uma mudança em breve. “Não quer dizer que nunca vai sair. Não é por uma opinião de fora, até porque a de vocês oscila muito, que vou mudar. Esperam a gente perder ou empatar para criar esse tipo de questionamento. Não é assim que eu avalio. É um jogador de extrema importância e capacidade, por isso permanece”, disse.
Daniel Alves deve ser titular mais uma vez nesta quarta-feira, quando o São Paulo enfrenta o Internacional, às 21h30, no Morumbi. A equipe tricolor lidera o Campeonato Brasileiro com 57 pontos, enquanto o Inter vem logo na sequência, com 56.
Um desfalque certo para o jogo contra o Inter é o zagueiro Arboleda, suspenso. Léo e Diego Costa devem disputar a posição.



Comentário(s)

1