Falcão é demitido no Internacional, após cinco jogos
Falcão é demitido no Internacional, após cinco jogos

Depois de completar o 11º jogo sem vitória no Campeonato Brasileiro, o Internacional decidiu novamente mudar o comando da equipe. No início da tarde de ontem, o clube colorado anunciou a saída do técnico Paulo Roberto Falcão.

Ídolo do time gaúcho, Falcão durou apenas cinco jogos no comando do Inter, que vive uma enorme crise nesta virada de turno do Campeonato Brasileiro. O agora ex-treinador somou dois empates e três derrotas - 13% de aproveitamento.

Inter e Falcão assinaram contrato somente no último sábado; o tempo de duração era válido até julho de 2017. Antes disso, o treinador trabalhava amparado por um termo de compromisso, firmado após reunião com a diretoria em 12 de julho.

Acima dos resultados, o desempenho do time e o perfil de trabalho diário pesaram na decisão. O Inter não viu capacidade de reação sob o comando de Falcão, que encerra a terceira passagem pelo Beira-Rio - as outras foram em 1993, quando deixou o clube para dirigir o Japão, e há cinco anos, quando permaneceu apenas 99 dias e saiu após três derrotas consecutivas.

Leia mais na edição impressa.

 

Compartilhar Google+


Comentário(s)

1