top of page
Buscar

2ª edição: Meia Maratona de Prudente tem 660 inscritos

Com O Imparcial

A segunda edição da Meia Maratona de Presidente Prudente se aproxima, com distâncias de 6 km (quilômetros), 10 km e 21 km. São 660 pessoas inscritas e cerca de 200 para a quilometragem máxima. Um presente para a cidade com um evento tão significativo.


Será neste domingo, com largada às 6h30, no Centro Olímpico de Presidente Prudente. Amanhã, das 10h às 17h, ocorre a retirada dos kits no Prudenshopping, para os moradores da cidade, e é pedido um quilo de alimento não perecível. Para os que residem fora, será no domingo mesmo, das 5h às 6h, no local.


Conforme o organizador do evento, Junior Diesel, da Ladeiras da Penha Eventos, a largada não será na área central de Prudente, como ocorreu na primeira edição. “Eu tinha esse sonho. Ano passado foi lingo, porém é um local muito aberto, tivemos problemas e o trânsito foi muito prejudicado. Em conversa com a Semob [Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana e Cooperação em Segurança Pública], autorizaram o Centro Olímpico, local mais reservado, com boa estrutura, aconchegante, mais segurança, tudo a ver com nosso evento. A largada será no estacionamento da natação”, destaca.


Percurso

Em relação às novidades, Junior conta entusiasmado: “O percurso foi alterado. Subimos 100% do Parque do Povo, até a José Foz, uma esquina antes da Avenida Brasil. É a primeira prova que vai passar da esquina do Guaíba e vai até o fim. Depois vamos descer 100% do parque, entram no estacionamento do Prudenshopping, passam na cancela da Manoel Goulart até a cancela da Washington Luiz. Seguem sentido pontilhão, sobem toda a avenida, descem beirando o [Centro Cultural] Matarazzo, sentido IBC”, destaca. 


Relata ainda que pela primeira vez na história, os atletas correm dentro do IBC Centro de Eventos. “Entram por uma das portarias, passam correndo por dentro daquele galpão gigantesco e saem do outro lado. Continuam o percurso, passam pela chaminé da Sanbra, voltam pela José Claro, acessam a Avenida Brasil, descem a Washington Luiz, acessam o Cristo, contornam, entram no Sesc Thermas e aí, mais uma novidade na prova: cerca de 1 km dentro da FCT/Unesp [Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista]”, frisa.


Acrescenta também que é uma prova diferenciada, com um conceito bem próximo aos grandes eventos de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, com estrutura de metal, mais de mil cones, dezenas de pessoas na equipe.Junior destaca ainda que o interesse das pessoas vem crescendo a cada edição, cada corrida.


O organizador fala que são 11 anos à frente de eventos deste tipo e que Presidente Prudente tem algumas particularidades, algumas, difíceis de lidar. “Alguns conceitos do poder público, da população. Porém, em um modo geral, sou muito grato a todos que nos ajudam. Preciso render a minha gratidão à administração municipal na autorização deste evento. Destacar a prontidão da equipe da Semob em permitir fazer isso acontecer. É uma equipe limitada que se desdobra da melhor maneira possível. Esse ano teremos ainda apoio dos membros do Moto Clube 100 Fronteiras, atiradores do Tiro de Guerra, Unoeste [Universidade do Oeste Paulista], Unesp, Fatec [Faculdade e Tecnologia] e Unicesumar (Universidade Cesumar). Um aglomerado de gente fazendo acontecer. É uma prova grande que foge da realidade da cidade”, diz Junior.

Comments


bottom of page