top of page
Buscar

Atirador de elite da PM salva bebê que era feito refém no CE

Antes de fazer o filho refém, suspeito atirou contra a esposa. Ele foi preso por tentativa de feminicídio em Fortaleza - Com Terra

Foto: Reprodução/Polícia Militar


Um atirador de elite da Polícia Militar do Ceará salvou, na noite de domingo, 25, um bebê de um ano e três meses que era feito refém pelo próprio pai, de 28, em Fortaleza (Ceará). O suspeito, que atirou na esposa pouco antes, foi contido e preso em flagrante. A criança não teve ferimentos. 


De acordo com a PM, o caso ocorreu por volta das 18h, no bairro Vila Velha. Equipes do Comando de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (CPRAIO) receberam informações de que um homem invadiu um comércio, após ter disparado contra sua mulher, e estava fazendo uma criança refém. 


Os policiais seguiram para o local e encontraram o suspeito com o bebê nos braços, apontando um revólver para a cabeça dele. Devido à gravidade da ocorrência, agentes do Batalhão de Operações Especiais (BOPE) também foram acionados e iniciaram a negociação. 


Em dado momento, conforme a PM informou, foi necessário que o atirador de elite disparasse contra o suspeito. O único tiro fez com que o pai do bebê soltasse a arma, e fosse preso. No local, foi apreendido um revólver calibre .38 com 16 munições, sendo duas deflagradas. 


Ainda segundo a corporação, a mulher vítima do marido foi socorrida ao Instituto Doutor José Frota (IJF), onde está sob cuidados médicos. Já a criança, foi levada juntamente com sua tia, à Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (DCECA) para os procedimentos cabíveis.


A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que foi conduzido para a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Fortaleza, onde foi autuado em flagrante por tentativa de feminicídio. Ele segue à disposição da Justiça.

Comentários


bottom of page