top of page
Buscar

'Barbie': como filme se tornou o maior sucesso de 2023

Filme é até agora o maior sucesso de bilheteria do ano nos Estados Unidos e Canadá, arrecadando US$ 155 milhões no fim de semana de estreia. G1


O filme Barbie é o maior sucesso de bilheteria do ano nos Estados Unidos e Canadá até agora, informou a distribuidora Warner Bros.


Estima-se que US$ 155 milhões (aproximadamente R$ 740 milhões) foram arrecadados no fim de semana de estreia, segundo a empresa.

Enquanto isso, Oppenheimer — também lançado na semana passada — arrecadou US$ 93,7 milhões (cerca de R$ 447 milhões) nos Estados Unidos, segundo a Universal Pictures.

Isso acontece em um momento em que os cinemas, de forma geral, estão enfrentando dificuldades, à medida que perdem para a concorrência dos serviços de streaming.

Enquanto isso, no Reino Unido, a rede de cinemas Vue afirmou que ambos os filmes levaram suas salas a ter seu fim de semana mais movimentado em quatro anos.


A Vue, que tem 91 cinemas em todo o Reino Unido e na Irlanda, disse que foi o fim de semana com a maior venda de ingressos em quatro anos, e o fim de semana com a segunda maior bilheteria da história, com Barbie, da diretora Greta Gerwig, a caminho de se tornar o maior sucesso de bilheteria de 2023 no país, à frente de Super Mario Bros. - O Filme.


Os dois filmes levaram meio milhão de pessoas às salas de cinema da Vue, com 4 mil sessões esgotadas para Barbie em todo o Reino Unido e na Irlanda, segundo a empresa.


No Brasil, segundo a imprensa local, o filme da Barbie arrecadou mais de R$ 22 milhões em bilheterias no país em sua estreia nos cinemas, que aconteceu na última quinta-feira (20), e reuniu 1,2 milhão de brasileiros nas salas de cinemas.


Barbie conta a história de amadurecimento da boneca infantil, na qual ela explora sua identidade e incentiva o amigo Ken a buscar sua individualidade.


A trama de Oppenheimer, filme protagonizado por Cillian Murphy e dirigido por Christopher Nolan, é centrada no desenvolvimento da primeira bomba atômica.

Os dois filmes foram lançados na semana passada, e a competição entre os dois foi chamada nas redes sociais de "Barbenheimer".


No fim de semana de estreia de Barbie, estrelado por Margot Robbie e Ryan Gosling, as vendas de ingressos ultrapassaram as do fim de semana de estreia do sucesso de público Super Mario Bros. - O Filme, tornando Barbie o maior sucesso de bilheteria de 2023 até agora.


Em todo o mundo, o lançamento de Barbie arrecadou US$ 337 milhões (cerca de R$ 1,6 bilhão).


No Twitter, uma usuária disse que fazia anos que não tinha vontade de ir ao cinema para assistir novamente a um filme, mas Barbie conseguiu despertar isso nela. Ela afirmou que "permaneceria uma obra-prima atemporal ao longo dos anos — as ideias realmente são eternas".


Antes do lançamento dos filmes, a rede Odeon no Reino Unido informou que mais de 200 mil ingressos antecipados haviam sido comprados — e esperava-se que cerca de 10 mil espectadores assistissem a ambos os filmes, Barbie e Oppenheimer, durante o fim de semana de estreia.


Enquanto isso, a rede Vue no Reino Unido informou na sexta-feira que a pré-venda de ingressos para Barbie foi "maior do que para qualquer outro sucesso de bilheteria lançado neste ano". A bilheteria na sexta-feira foi a mais alta de todas as sextas-feiras desde a pandemia de covid-19 — e a terceira maior de uma sexta-feira da rede de todos os tempos.


A Universal Pictures informou que Oppenheimer arrecadou 8,05 milhões de libras (cerca de R$ 49 milhões) no Reino Unido e na Irlanda desde sexta-feira. E acrescentou que a expectativa era de que os três primeiros dias de lançamento de Oppenheimer superassem os de outros sucessos de bilheteria de Christopher Nolan — Interestelar, Dunkirk e A Origem.


No início de julho, o elenco de Oppenheimer abandonou a première do filme em um ato de apoio à greve dos atores de Hollywood, que protestam em parte pela invasão da inteligência artificial (IA) nas produções.


O filme arrecadou US$ 93,7 milhões (aproximadamente R$ 447 milhões) nos mercados internacionais, elevando seu total global para US$ 174,2 milhões (cerca de R$ 831 milhões), de acordo com a Universal Pictures.


Comments


bottom of page