top of page
Buscar

Brasil é o melhor país do mundo para o ecoturismo, segundo ranking

Atualizado: 9 de ago. de 2023


O Brasil é o destino mais atraente do mundo para ecoturistas, de acordo com uma pesquisa conduzida pela edição britânica da revista Forbes realizada no último mês.


Em primeiro lugar no ranking de 50 países, nosso território se destacou não só pelo alto número de plantas e animais, mas também pelos índices de espécies protegidas, pela sua área de reservas, número de Patrimônios Naturais da Humanidade segundo a Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura).


Ainda pesaram na avaliação da publicação os índices de emissões de carbono per capita, e a "performance ambiental" de cada país determinada por fatores como a qualidade do ar e os esforços de proteção ambiental.


Foram descartados do ranking países considerados inseguros para a visita — classificados como "zonas vermelhas" — pelo site travelsafe-abroad.com devido a riscos de assaltos e furtos, violência contra mulheres viajantes, insegurança de transporte via táxi, desastres naturais e terrorismo. No sistema do site, o Brasil é considerado uma "zona amarela"; os mais seguros são "zonas verdes".


Conheça os melhores países do mundo para ecoturistas:


1º: Brasil

Pontuação no Index de Ecoturismo: 94,9 (de 100 pontos possíveis) Por que é imperdível? O Brasil foi considerado o destino mais biodiverso do mundo, atualmente com mais de 43 mil espécies de animas e plantas, apesar dos altos índices de desmatamento da Amazônia. Cerca de 30% do território nacional é atualmente protegido por reservas e o país ainda possui oito áreas de Patrimônio Natural da Humanidade reconhecidas pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) -- o principal deles o Complexo de Conservação da Amazônia Central, que protege espécies ameaçadas como o Peixe-Boi da Amazônia e o Jacaré-açu.


2º: México

Pontuação no Index de Ecoturismo: 86 (de 100 pontos possíveis) Por que é imperdível? O México abriga 29 mil espécies de animais e plantas, e delas 115 são protegidas. Entre os animais em risco estão o rato da Isla Ángel de la Guarda, o morcego Myotis vivesi -- que se alimenta de peixes -- e o esquilo Tâmia-de-Buller. Com mais de 2 milhões de quilômetros quadrados de território, o país tem cerca de um quarto do tamanho do Brasil, mas possui o mesmo número de áreas de Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco. São 244 áreas costeiras, ilhas e ilhotas no Golfo da Califórnia, que abriga 39% de todos os mamíferos marinhos do mundo.


3º: Austrália

Pontuação no Index de Ecoturismo: 84 (de 100 pontos possíveis) Por que é imperdível? Único país no top 5 do levantamento da Forbes localizado fora das Américas, a Austrália tem 16 áreas de Patrimônio Natural da Humanidade, segundo a Unesco, o maior índice de todos os países da pesquisa. O principal deles é a Grande Barreira de Corais -- o maior conjunto de recifes do mundo -- que abriga espécies em risco de extinção como a Tartaruga-aruanã e a Vaca-marinha de Steller. Cerca de 20% do território australiano corresponde a reservas e 101 de suas 27 mil espécies de animais e plantas também seguem sob proteção governamental.


4º: Equador

Pontuação no Index de Ecoturismo: 82,1 (de 100 pontos possíveis) Por que é imperdível? Apesar de ser o quarto menor país da América do Sul, o Equador tem 23% de seu território protegido, além de 52 (de suas 3 mil espécies de fauna e flora). Dois Patrimônios Naturais da Humanidade, segundo a Unesco, estão lá: o Parque Nacional Sangay e as Ilhas Galápagos -- que após uma visita em 1835 inspiraram a obra de Charles Darwin, "A Origem das Espécies", graças aos seus animais únicos como iguanas e variedades de tentilhões, influenciados pela contínua atividade vulcânica.


5º: Costa Rica

Pontuação no Index de Ecoturismo: 81,2 (de 100 pontos possíveis) Por que é imperdível? Cerca de 27% dos 52 mil quilômetros quadrados costa-riquenhos são protegidos e, apesar de ser o menor país do top 5, seu território é ocupado por cerca de três espécies de fauna e flora a cada 10 quilômetros quadrados -- a maior densidade de biodiversidade de todos os países citados acima. Das 14 mil espécies encontradas na Costa Rica, 12 são protegidas. Há ali ainda três áreas de Patrimônio Natural da Humanidade -- o mais imperdível deles seria o Parque Nacional da Ilha do Coco, onde é possível ver arraias, golfinhos de tubarões de perto.


Completam ainda o top 10:


6º: Butão

Pontuação no Index de Ecoturismo: 81 (de 100 pontos possíveis)


7º: Peru

Pontuação no Index de Ecoturismo: 81 (de 100 pontos possíveis)


8º: Indonésia

Pontuação no Index de Ecoturismo: 80,1 (de 100 pontos possíveis)


9º: Panamá

Pontuação no Index de Ecoturismo: 79,6 (de 100 pontos possíveis)


10º: Tanzânia

Pontuação no Index de Ecoturismo: 79,3 (de 100 pontos possíveis)

Comentarios


bottom of page