top of page
Buscar

Carro com mais de 160 multas e R$ 40 mil em dívidas é apreendido em rodovia de SP

Com Terra

Foto: Divulgação/PRF


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recolheu um veículo que transitava pela rodovia Fernão Dias, na cidade de Mairiporã (SP), com 167 multas acumuladas e R$ 38.171,16 em dívidas, no total. 


Segundo a PRF, a remoção do veículo ocorreu no último sábado, 3. O licenciamento do carro (CRLV) estava vencido desde 2016 e o veículo devia cerca de R$ 4.700 em Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).


O carro foi recolhido ao pátio para regularização. De acordo com a Polícia, o motorista do veículo mora em Atibaia, município em São Paulo.


O carro pode ser recolhido por não pagar imposto?


O IPVA é uma das obrigações que os contribuintes de impostos precisam arcar a cada novo ano. O pagamento do tributo segue as legislações dos Estados e é obrigatório para todos que têm um automóvel. Os valores mudam conforme o modelo e o ano de fabricação do veículo.


O não pagamento do IPVA impacta, por exemplo, na emissão do licenciamento, que também é anual. Ou seja, sem o pagamento do IPVA, o veículo ficará irregular. Nesta situação, o condutor pode ter o carro apreendido. Mas por quê?


Embora deixar de pagar o IPVA não esteja sujeito à retenção do carro, a ausência do licenciamento pode levar o veículo a ser apreendido, com multa aplicada pela autoridade de trânsito e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

bottom of page