top of page
Buscar

Descarte de animais deve elevar oferta de carne

Com Globo Rural

O ano de 2024 promete oferta de carne bovina ainda elevada, ao menos durante o primeiro semestre, com a continuidade do descarte de vacas. Como consequência, o preço da arroba do boi gordo também terá um espaço limitado para se recuperar, o que sinaliza preços mais comportados ao consumidor.


A explicação para esse cenário está no início do ciclo produtivo, a cria. Na pecuária, o preço do bezerro influencia diretamente a decisão do produtor de reter ou não as matrizes. A recente reação na arroba bovina impulsionou as cotações do bezerro, mas não o suficiente para estimular o pecuarista a investir mais em reprodução.


A estação de monta nada mais é do que o período de reprodução do ciclo pecuário, que acontece entre meados dos meses de outubro e fevereiro, quando as chuvas costumam deixar a qualidade do capim favorável para alimentação das fêmeas.


Na última sexta-feira, o indicador do bezerro do Cepea com base em Mato Grosso do Sul, praça de referência na produção, terminou em R$ 2.116,17 por unidade, acima do patamar de R$ 1.924 visto no fim de agosto, mas abaixo dos R$ 2.328,93 de um ano antes. Em 2021, por exemplo, o índice chegou a ultrapassar os R$ 3 mil por bezerro.o


Outro fator que pode influenciar nesse período reprodutivo é a condição climática. Se o clima for muito seco, por exemplo, com temperaturas que não favoreçam as pastagens de maneira adequada para a alimentação das vacas prenhas, o desenvolvimento do bezerro também pode ficar comprometido.


Ricardo Buonarott Ferreira, diretor de Produção da Associação Sul-Mato-Grossense de Produtores de Novilho Precoce (ASPNP) disse ao Valor que o bezerro precisaria estar em um patamar de preço em torno de R$ 2.800 para que a produção voltasse a ser vantajosa no Estado. Ele acredita que os valores do animal devem melhorar de maneira mais significativa a partir do ano que vem.


O aumento no abate de fêmeas e também uma redução de áreas de pecuária em Mato Grosso do Sul, que estão cedendo espaço para a agricultura ou produção florestal, devem contribuir para que os preços do bezerro comecem a subir mais em 2024, estimou o diretor.

Comments


bottom of page