top of page
Buscar

Em Nova Alvorada do Sul, mulher cai em golpe por e-mail e perde R$5 mil

A transferência foi feita pelos criminosos através do QRCode dinâmico - Por Cenário MS

Na manhã da última quarta-feira (18), uma mulher de 34 anos procurou a delegacia após ser vítima de estelionato e perder mais de R$5 mil em Nova Alvorada.

Em depoimento, a vítima contou que recebeu um e-mail em nome da empresa Livelo com informações para o resgate de 480.710 pontos que, posteriormente, poderiam ser revertidos em dinheiro (cashback).

Ao realizar os procedimentos e as confirmações necessárias, o site fechou e, ao conferir seu aplicativo do banco, constatou que duas transferências foram feitas através do QRCODE dinâmico nos valores de R$ 2998,00 e de R$ 2996,00, no total de R$ 5994,00.

O caso foi registrado na Delegacia de Polícia de Nova Alvorada do Sul como crime de estelionato e será investigado.

O Golpe


Os códigos dinâmicos usam um URL curto que redireciona o usuário para a página de destino com mais agilidade. Diferentemente dos códigos estáticos, o dinâmico só pode ser utilizado em uma única transação. Nele, é possível incluir valor, vencimento, e informações adicionais. Nesse tipo de golpe, as faturas falsas são recriadas e copiadas de forma quase idêntica às originais. O visual das faturas ou sites das empresas reais também são copiados, assim como e-mails mascarados (remetentes) para simular os oficiais.


Prevenção


O site Agência Brasil com a Kaspersky (empresa de cibersegurança) dá dicas de como não cair em golpes dessa natureza:

  • Atenção ao destinatário. Apenas na primeira fraude é usada uma máscara, no segundo caso, o endereço é genérico e não tem relação com as marcas citadas no golpe.

  • Fique de olho no código de barras. Contas de consumo (gás, energia, telefonia) sempre começam com o número 8. Por se tratar de uma fatura falsa, o código de barra começa com o número da instituição financeira na qual a fatura foi gerada ilegalmente.

  • Visite o site oficial das empresas. Para a suposta promoção de prêmios, cashbacks e afins é importante que a pessoa cheque a veracidade da promoção no site das empresas. Se não houver nada, ainda é possível entrar em contato com eles pelos canais oficiais. Nunca use os contatos informados no e-mail, pois eles podem ser falsos também.

  • Confirme os dados do destinatário antes de concluir o pagamento via Pix. Como em todos os esquemas fraudulentos, os criminosos usam nomes de laranjas para receber o dinheiro dos golpes. Apenas pagamentos legítimos mostrarão os nomes das empresas (razões sociais) corretos.

Comments


bottom of page