top of page
Buscar

Em Pauta: A importância dos pais na educação dos filhos

Atualizado: 14 de ago. de 2023


Neste domingo 13, o segundo do mês de agosto, comemora-se o Dia dos Pais. Mesmo para fins comerciais, a data foi criada para dedicar a honrar e celebrar os pais e figuras paternas. Nesse dia, filhos expressam gratidão e carinho aos seus pais por meio de presentes, cartões, mensagens e gestos de afeto.


É também uma oportunidade para reconhecer o papel importante que os pais desempenham na vida de seus filhos, além de fortalecer os laços familiares e mostrar apreço por todo o apoio e orientação que recebem ao longo do tempo.


A atuação do pai na formação dos filhos é crucial. Pais desempenham um papel único ao oferecer modelos de comportamento, valores e habilidades. Eles também contribuem para o desenvolvimento emocional, social e cognitivo das crianças, proporcionando diversidade de perspectivas e interações. A presença ativa do pai promove autoestima, resiliência e relações saudáveis nos filhos.


Hoje, em plena era da cibernética, a atuação dos pais se torna ainda mais importante e imprescindível. Outrora haviam brincadeiras na rua, atividades que remontam um tempo em que não existiam computadores, smartphones, tablets, games etc. Tempos outros em que as crianças estavam mais presentes às obrigações escolares ou em volta à mesa durante as refeições com a família.


Claro que ainda muitas famílias preservam as tradições que vieram dos nossos ancestrais. Mas, nesses novos tempos, são casos quase esporádicos.


A pergunta é: como educar os filhos na era da cibernética? Como equilibrar o uso da tecnologia com valores e limites?


A comunicação aberta, neste caso, torna-se imprescindível. Conversar com os filhos sobre o uso responsável da tecnologia, os riscos online e a importância do equilíbrio entre a vida digital e offline, é o primeiro passo.


Em relação aos limites, estabelecer regras claras sobre o tempo de tela e quais tipos de conteúdo são apropriados ajuda a evitar o uso excessivo e prejudicial.


Outro detalhe importante é que os pais sejam modelo de comportamento, propiciando exemplos positivos ao usar a tecnologia de maneira equilibrada e consciente, visto que as crianças imitam o que veem.


Também, ao ensinar habilidades digitais, os pais possibilitam que as crianças tenham discernimento de informações, privacidade quando estão online para não se exporem, assim como ensinar a navegar de forma segura na Internet.


É sempre bom aos pais se manterem informado sobre as atividades online dos seus filhos, no entanto também é preciso respeitar a privacidade deles quando necessário.


Fora do contexto do mundo digital, as atividades que envolvem a parte física e motora dos filhos, além das interações sociais que não envolvam dispositivos eletrônicos, são bem vindas no processo de formação dos filhos.


Levar o filho ao parque, ao cinema, jogar bola com ele no campo do bairro, incentivar para aptidões artísticas e culturais, à leitura, conversar sobre assuntos considerados tabu, como o bullying, são ações essenciais e significativas, pois fortalecem os laços familiares.


E não esquecer que cada família é única e o que funciona pode variar. No entanto, a chave é manter um diálogo aberto e adaptar as abordagens conforme apropriado.

תגובות


bottom of page