top of page
Buscar

Gramado decreta estado de calamidade

Prédio de cinco andares desabou na manhã de quinta (23) após ruas do município apresentarem rachaduras. Prefeitura do município se pronunciou na manhã desta sexta (24). - Com G1

A prefeitura de Gramado, na Serra do Rio Grande do Sul, decretou estado de calamidade na manhã desta sexta-feira (24). Rachaduras vem aparecendo nas ruas de cidade e um prédio desabou no bairro Três Pinheiros, na quinta (23).

De acordo com o prefeito de Gramado, Nestor Tissot (PP), 546 pessoas estão fora de casa na cidade - principalmente no bairro Três Pinheiros, onde cerca de 120 famílias precisaram sair de suas residências.

Desde quarta-feira, dezenas de moradores de Gramado tiveram que deixar suas residências após o surgimento de rachaduras no solo em diversos bairros do município, durante as chuvas que atingem o estado desde o fim de semana. O Ministério Público do Rio Grande (MPRS) informou que deve solicitar à Justiça uma audiência sobre as rachaduras registradas nos últimos dias em Gramado. Segundo o promotor de justiça Max Guazelli, o principal objetivo a ser debatido é a ampliação do mapeamento sobre as áreas de risco do município. Um levantamento inicial foi feito ainda na década passada e a região onde atualmente ocorreram as fissuras não foi incluída neste primeiro trabalho.

bottom of page