top of page
Buscar

Gripe aviária: SC declara estado de emergência zoossanitária

Decreto, válido por 180 dias, é devido à detecção do vírus H5N1 em aves em Santa Catarina - Globo Rural

Japão suspendeu as importações de produtos avícolas de Santa Catarina. Foto: Freepik

O governador de Santa Catarina, Jorginho Mello, declarou estado de emergência zoossanitária para combater a gripe aviária no território catarinense. A medida foi publicada no Diário Oficial do Estado na noite desta quinta-feira (20/07). O decreto é válido por 180 dias.

O estado de emergência zoossanitária foi declarado por causa da detecção do vírus da Influenza Aviária H5N1 de Alta Patogenicidade (IAAP) em aves em Santa Catarina, conforme o Diário Oficial catarinense.

Ação nacional

A medida do governo de Santa Catarina acompanha uma ação nacional para o combate à gripe aviária. Nesta quinta-feira, o Ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, reuniu-se com representantes de todos os Estados brasileiros para alinhar a ação conjunta de declaração de estado de emergência zoossanitária.

O Ministério declarou estado de emergência zoossanitária em todo o território nacional em 22 de maio. Desde então, os casos da doença vêm aumentando no país. Nesta quinta, o ministério confirmou mais três focos de gripe aviária em aves silvestres, e o total de animais infectados chegou a 67. Os casos foram identificados nas cidades de Itanhaém (SP), e nos municípios de Macaé e Maricá, ambos no Rio de Janeiro. A doença foi confirmada em duas aves da espécie Trinta-Réis-de-Bando, e outra em uma ave da espécie Trinta-Réis-Real.

Comments


bottom of page