top of page
Buscar

Jornalista Conrado Corsalette lança livro em Venceslau no dia 15/07

Atualizado: 4 de jul. de 2023


O jornalista e escritor Conrado Corsalette (foto) estará em Presidente Venceslau no dia 15 de julho próximo para lançar o livro “Uma crise chamada Brasil: A quebra da nova República e a erupção da extrema direita”.


A partir das 19h, na Casa Blanca Music Bar (ex-Buteco do Carioca), Conrado vai autografar sua obra já lançada em São Paulo, capital, no dia 06 de junho último.

O livro é uma adaptação da minissérie de mesmo nome, veiculada originalmente no podcast Politiquês, do Nexo Jornal, uma remontagem do cenário político brasileiro de 2013 a 2023, resgatando e analisando os fatos a partir de eixos temáticos, das Jornadas de Junho à invasão dos prédios dos Três Poderes.


Conrado se debruça sobre um dos momentos mais conturbados da política brasileira para mostrar como o país chegou à quebra da Nova República e à erupção da extrema direita.


O trabalho traz 53 entrevistas com pesquisadores, políticos, juízes, ativistas e jornalistas, feitas em parceria com Malu Delgado e colaboração de Beatriz Gatti. São avaliações e interpretações que ajudam o leitor a entender as conexões entre fatores econômicos, políticos e sociais que levaram a essa crise chamada Brasil.


O autor destrincha o perfil das manifestações de rua, expõe os atropelos da Operação Lava Jato e trata de forma crítica e equilibrada os acontecimentos que levaram ao impeachment de Dilma Rousseff, às investidas militares na política, à crescente influência evangélica nas eleições e à degradação do debate público, impactado por uma revolução digital que mudou não só as relações interpessoais, mas, também, a dinâmica da disputa de poder.


“Uma crise chamada Brasil” traz em sua narrativa o ritmo alucinante dos tempos recentes, sempre com múltiplos pontos de vista. E, apesar de parecer improvável, trata-se de um registro histórico bem contextualizado que não adota um tom pessimista. Muito mais próximo da observação aguçada de um ciclo que se encerra, o livro aponta para a necessidade do fortalecimento de dois princípios que foram desprezados: a democracia e o diálogo.


O autor


Nascido no vizinho município de Santo Anastácio, Conrado residiu em Presidente Venceslau na infância e juventude. É um dos três filhos dos professores Orestes (in memorian) e Vânia Corsalette.


Após concluir o Ensino Médio em Venceslau, mudou-se para São Paulo, onde cursou e concluiu Jornalismo pela Cásper Líbero.


Foi editor de política do jornal O Estado de São Paulo, editor-adjunto de cotidiano na Folha de S.Paulo, repórter nos dois jornais e também no Agora São Paulo.

Anos atrás Conrado foi um dos criadores do Nexo Jornal, onde atua como editor.

Comments


bottom of page