top of page
Buscar

Municípios da região de PP recebem mais de R$ 500 mil por incentivo ao agro

Por O Imparcial

Ao todo, 15 municípios do oeste paulista receberão mais de meio milhão de reais em bonificação por figurarem no “Município Agro – Ranking Paulista”, programa da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo. São premiadas as melhores políticas públicas de prefeituras paulistas em prol do setor agrícola.

O prêmio para a região é de R$ 570 mil. A melhor posição da região de Presidente Prudente foi conquistada por Tupi Paulista, na Nova Alta Paulista. Na décima posição, recebeu R$ 70.000,00. Já Presidente Prudente, maior cidade da região, ficou na 127ª colocação e não teve direito a recebimento de recursos, conforme ranking enviado ao Oeste Agropecuário pela assessoria de imprensa da secretaria.

Na 20ª posição, ficou Adamantina; Junqueirópolis aparece em 24º; e Pracinha em 28º. Cada uma receberá R$ 50.000,00. Emilianópolis, em 37º, e Nova Guataporanga, na 40ª posição, receberão cada uma R$ 40.000,00. Outras nove cidades receberão R$ 30.000,00.


SPAGRO

Os vencedores desta edição foram anunciados no último dia 24, durante o evento SPAGRO, no Palácio dos Bandeirantes, com a presença do governador de São Paulo, Tarcisio de Freitas, e do secretário de Agricultura, Guilherme Piai. Ao todo, mais de 100 municípios receberam bonificações do programa, num total de mais de R$ 5 milhões. Os primeiros colocados foram: Joanópolis, que recebeu R$ 400 mil, Piracicaba (R$ 300 mil) e São Bento do Sapucaí (R$ 200 mil).

E o programa da SAA só tende a crescer e se fortalecer. Segundo Guilherme Piai, os prêmios do Município Agro serão cada vez maiores nos próximos anos. “O Município Agro vai ser um programa de Estado. Com ele, trazemos os municípios para perto, incentivamos o desenvolvimento de um agro cada vez mais sustentável”, ressaltou o secretário.

O objetivo é incentivar investimentos no agro paulista e os recursos obtidos, por meio do Município Agro, são normalmente revertidos para o próprio setor.

Os escolhidos foram avaliados de acordo com critérios técnicos, onde mais de 60% da pontuação é decorrente de atividades de gestão, deliberados pelo Grupo de Trabalho responsável pelo projeto, no âmbito do desenvolvimento e da implantação de ações para o agronegócio.

Neste ano, 292 cidades se inscreveram no Programa, sendo que 107 pontuaram por meio do Sistema Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável (Sedrus).


O PROGRAMA

Criado pelo Decreto Estadual nº 64.467/2019 e regimentado pela Resolução SAA nº 15/2022, o Programa Município Agro – Ranking Paulista estimula as prefeituras a implementar e desenvolver agendas estratégicas estaduais a fim de fortalecer as gestões locais, melhorar produtividade e sustentabilidade do agronegócio de São Paulo e a investir em ações para melhorar as condições de vida das pessoas na área rural. (Com informações da AgriculturaSP)

bottom of page