top of page
Buscar

Palmeiras empata com o Cruzeiro e confirma 12º título do Brasileirão

Endrick foi o grande nome da arrancada na conquista do torneio nacional - Com Terra

O Palmeiras é dodecacampeão brasileiro. A equipe de Abel Ferreira confirmou a conquista sem sustos com ao empatar contra o Cruzeiro, no Mineirão, em Belo Horizonte. A estrela de Endrick brilhou mais uma vez. O menino de 17 anos, grande nome da arrancada do time na competição, abriu o placar. Nikão empatou no 2º tempo. 


Se antes de entrar em campo apenas uma tragédia tiraria o título do Palmeiras, depois que a bola rolou a festa palmeirense ficou ainda mais próxima. O clube paulista pressionou o Cruzeiro e chegou ao primeiro gol aos 20 minutos. O camisa 9 aproveitou erro de Lucas Silva e marcou o seu 14º gol na temporada.


Em desvantagem, o Cruzeiro, que já estava livre da ameaça de rebaixamento, pressionou e quase chegou ao empate com golaços antes da ida para os vestiários. Bruno Rodrigues acertou linda bicicleta que só parou em boa defesa de Weverton. Na sequência, Matheus Pereira acertou a trave e quase marcou um gol olímpico.


Na volta do intervalo, o Palmeiras tirou o pé, mas chegou a ter oportunidades de aumentar em contra-ataques com Raphael Veiga e Endrick. Porém, foi o Cruzeiro que chegou ao gol. Após boa jogada de Matheus Pereira, Nikão recebeu no meio da área e chutou no contrapé de Weverton para empatar a partida aos 34 minutos.


O gol levantou a torcida do Cruzeiro no Mineirão. No clima das arquibancadas, a equipe mineira foi para cima em busca da virada. O triunfo não veio, mas a vaga na Sul-Americana foi conquistada na primeira temporada na elite após três anos.


A partida vai ficar na história não apenas pela conquista do título para o jovem Estevão. A nova joia palmeirense fez sua primeira partida como profissional aos 16 anos. Na base, ele é chamado de “Messinho” pela torcida.

Comments


bottom of page