top of page
Buscar

Piquerobi deverá receber cerca de 16 mil visitantes para celebrar Corpus Christi


Nesta quinta-feira, 08, a celebração de Corpus Christi, em Piquerobi, deverá reunir um público total de 16 mil pessoas, prevê a organização. O município, através da Paróquia de São Miguel Arcanjo, mantém a tradição da montagem dos tapetes.

Neste ano, Piquerobi completa 56 anos de celebração desta data religiosa, num trabalho que envolve centenas de pessoas, materiais e fé. Este ano o tema é “Dai-lhes vós mesmos de comer!”, lema da Campanha da Fraternidade 2023.

O padre José Altino Brambilla, responsável pela paróquia, diz que para este momento são duas preparações, a material, que é a produção e montagem dos tapetes, além da quermesse no dia da celebração e a fé, que são as missas realizadas na matriz e capelas.

“É um empenho, uma tradição que acaba unindo a cidade. A organização é dividida por setores, saúde, educação, igreja, etc. Então acaba envolvendo a cidade inteira. Então eu vejo uma expectativa muito grande em organizar, pelo dia chegar, chama a atenção dos meios de comunicação, das redes sociais, mas o meu trabalho é conscientizar que a essência disso não são os tapetes, por mais bonitos que sejam. Apesar disso tudo é entender que a festa de Corpus Christi é a festa do corpo e sangue de Jesus, um desdobramento da quinta-feira da semana santa”, explicou ao portal g.

Neste ano,  segundo os organizadores, os tapetes terão 500 metros de extensão, com 800 pessoas voluntárias, que ajudarão a montar os desenhos pelas ruas do centro da cidade.

Os preparos começaram três meses antes e serão utilizados 32 toneladas de granilha (pequenas pedras tingidas de várias cores), spray colorido, isopor, peças em MDF, tecidos e telas de pintura.

A novidade nesta edição da festa é a participação de “estátuas vivas” com representações bíblicas durante o trajeto.

Este ano, a igreja pede como gesto concreto, a doação de 1kg de alimento, que será repassado à Pastoral Social, que deve destinar às famílias carentes da cidade.

No final da procissão está prevista missa em frente a Paróquia com a presença do bispo diocesano, Dom Benedito. (Com g1)

Comments


bottom of page