top of page
Buscar

Segurança Pública lança operação para combater crimes nas divisas do Estado


A Secretaria da Segurança Pública lançou a Operação Impacto “SULMaSSP- Divisas Integradas II” para combater a atuação de organizações criminosas em divisas do Estado, em parceria com o Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul. Além das forças de segurança de São Paulo, a ação contará com efetivo policial dos outros quatro estados.


A iniciativa é fruto do 2º encontro de secretários da Segurança pública (SULMaSSP) dos cinco estados, ocorrido em junho, em São Paulo. A parceria entre as secretarias fortalece as ações conjuntas entre as polícias, o que permite a troca de dados e de conhecimentos relacionados à inteligência policial e a interesses operacionais, a cooperação tecnológica e a estruturação de operações conjuntas entre os estados.


A operação irá intensificar o policiamento ostensivo em todos os municípios de São Paulo que fazem divisa com os outros quatro estados, empregando de forma sistêmica recursos em ações planejadas e integradas. A ideia é sufocar o tráfico de drogas e de armas, além de inibir os roubos, os furtos, os casos de violência contra a mulher e outros delitos.


Lançamento na região


No sábado (22), uma cerimônia realizada na sede do 8º Comando de Policiamento do Interior (CPI-8), em Presidente Prudente, lançou a ação integrada através da Operação Impacto “SULMaSSP”.


O comandante geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo, Coronel Cássio Araújo de Freitas, esteve presente na cerimônia que também contou com a presença de autoridades políticas e policiais, além de equipes do policiamento de diversas divisões da Polícia Militar.


Além das dividas entre os estados, os agentes também trabalham na dívida federal com outros países.


“Estamos tendo ações aqui em Presidente Prudente neste momento, mas também estamos com ações nas divisas com o Uruguai, com a Argentina, com o Paraguai, entre as divisas dos estados, ações de inteligência, buscando alvos relevantes”, ressaltou Freitas.


Na região de Presidente Prudente, a Operação Divisas e Fronteiras Integradas deve focar no combate ao tráfico de drogas.


Comments


bottom of page