top of page
Buscar

Unidade



Efésios 4:16 “Dele todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função.”


Há quem diga que unidade é pensarmos iguais, ansiarmos pelo mesmo objetivo, buscar alcançar o mesmo alvo, enfim, talvez essa seja a sua ideia sobre “unidade”.


Nos dias de hoje, é muito comum vermos cada vez mais discórdia, separação, discussão, desentendimentos e afins. Afinal, guerras, cenário que vem sendo tão recorrente nos dias atuais, são o fruto de uma pequena discórdia que um dia aconteceu entre duas partes.


Porém, o que muitas vezes não observamos, é a rivalidade que acontece dentro do Corpo de Cristo. Tentamos ser melhores que os outros e acabamos trazendo divisão para o Reino.


Isso acontece, muitas vezes, por não entendermos quem somos, quem fomos criados para ser, ou seja, falta de identidade e maturidade como cristãos.


Não aceitamos as nossas características, nosso jeito, as funções que foram dadas a nós, o ministério para o qual o Senhor nos chamou e acabamos caindo numa grande cilada de Satanás: a comparação.


Esta, se não cortada pela raiz, pode trazer danos gravíssimos para uma comunidade, corpo, família, igreja, nação, entre outros (e vale lembrar que um reino dividido não prospera).


Mas, então, o que deve ser entendido para que isso pare de ser uma realidade tão ativa em nosso meio? Fácil: que fazemos parte de um corpo e, justamente por isso, somos diferentes uns dos outros, com características únicas e funções diferentes.


Assim como um coração não tem a mesma função de um pulmão, não temos a mesma função que alguém próximo a nós.


É importante lembrar também que nenhuma das partes é menor ou pior. Precisamos parar de dar ouvidos a esse complexo de inferioridade que vem para tentar destruir nossos ministérios, casas, famílias, grupos de amigos e demais áreas da sociedade.


Quem nos criou não errou no chamado que nos presenteou. Não! Ele nos fez da forma exata para vivermos os planos e propósitos que sonhou para nós desde a eternidade.


Não precisamos querer correr a corrida de outra pessoa mas, sim, aceitar aquilo que Deus nos chamou para fazer e ser.


Como o texto diz: “ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se…”; o nosso crescimento e avanço dependerá da nossa unidade como Corpo de Cristo.


Que possamos ter maturidade em aceitar o chamado do Senhor para que possamos expandir a cultura do céu na terra e alcançar mais vidas para Ele.


Para finalizar, lembro-me de uma frase que ouvi de uma pessoa muito querida: “unidade não é pensar a mesma coisa, é estar sob o mesmo propósito”. Que essa seja uma verdade em nossos corações.


Se você se identificou com esses pontos que trouxe neste devocional hoje, pare o que estiver fazendo e ore comigo:

“Senhor, peço perdão por muitas vezes não entender quem eu sou e querer ser alguém que não fui criado para ser. Ajude-me a colocar em prática a autenticidade que o Senhor colocou em mim desde a minha formação.

Quero ser aquilo que deseja que eu seja, quero fazer o que o Senhor anseie que eu faça e quero entender que a função dada a mim em Seu corpo é de extrema importância. Afinal, se não fosse, o Senhor não teria tornado real em minha vida.

Obrigado(a) por ter me feito dessa forma, me colocado neste lugar e neste tempo. Me perdoe pela ingratidão que várias vezes tive em seus planos e sonhos para a minha vida e buscar correr a corrida de outra pessoa.

Espírito Santo, me direcione conforme o teu querer e me ajude a crescer da forma que lhe agrada; quero colaborar para uma unidade forte no meio em que estou.

Em nome de Jesus,

amém!”

Comments


bottom of page